O analfabetismo funcional no Brasil

O analfabetismo funcional no Brasil é abissal e fez um estrago profundo na mente de várias gerações. Exemplo.

A esquerda tem os pensadores/professores/acadêmicos militantes da sua ideologia. Pois bem, os auto-proclamados “conservadores” no Brasil combatem com unhas e dentes esses militantes acadêmicos. Ao mesmo tempo, não admitem a possibilidade de que um pesquisador/professor se recuse a ser militante ideológico, ou seja, que se recuse a trabalhar a favor ou contra grupos ou causas. Isto é, os “conservadores salvadores” da nação detestam comunistas, mas, não sabem agir diferente deles.

A esquerda formou e treinou seus militantes ao longo de séculos. Posicionou-os em lugares de destaque na sociedade, tem projeto de conquista e de poder e trabalha com afinco para concretizá-lo. Comunista entende tão bem o valor de um DOCUMENTO histórico que tem uma elite intelectual a seu serviço, pois, sabem que não há história sem DOCUMENTO.

Os “conservadores” brasileiros NUNCA fizeram nada disso,sequer sabem o que é um DOCUMENTO histórico e mantém a pretensão de “mudar” o Brasil. O livro “Ensaio sobre a Cegueira” de José Saramago explicita bem a loucura e a cegueira do pais.

23 de abril de 2017

0 responses on "O analfabetismo funcional no Brasil"

Deixe sua mensagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

topo
X