• IMUB

CULTURA SIMBÓLICA na política brasileira



Vamos aplicar CULTURA SIMBÓLICA na política brasileira. Há 2 tipos de Animais: os Fabulosos e os Naturais.

Animal Fabuloso é aquele que mistura em seu corpo vários elementos, o que lhe confere, poder e valor sobrenaturais. São híbridos. Exemplo: Grifo- tem 4 elementos (ar, água, terra, fogo); Pégaso- tem 2 elementos- (água e ar (asas)); Sereia- tem 2 elementos ( terra e água); Fênix- tem 2 elementos (ar e fogo), etc

Animal Natural é aquele animal comum que existe na Natureza. Exemplo: boi, cavalo, tartaruga, papagaio, etc.


Os políticos brasileiros constituem uma espécie de Animais Fabulosos. Exemplos: o conservador Ronaldo Caiado acha que FHC é o exemplo de estadista e que voto em lista fechada e coisa de direita; Lula é ovacionado na mesma semana em Davos e no Fórum Social Mundial; Gen. Villas Boas diz-se amigo íntimo de Aldo Rebelo e que inexiste entre o comunista e as FFAA qualquer divergência ideológica; Marina Silva é ambientalista, defende Banco Central independente e é abençoada pelo Espírito Santo; os Bispos da CNBB e os padres da Teologia da Libertação acham que defendem a igreja do comunismo.

O HIBRIDISMO no Brasil não é uma MARAVILHA como os Animais Fabulosos estudados pelos Alquimistas e Sábios, é uma deformidade de caráter cultivada com plena consciência. É graças a esse HIBRIDISMO que a classe política brasileira pode defender ideias de DEUS e do CAPETA ao mesmo tempo.

Anexo, exemplos de como seriam os corpos dos políticos brasileiros sob a ótica da Cultura Simbólica.





A imagem pode conter: 1 pessoa
A imagem pode conter: 1 pessoa

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

O PAPEL DE LULA NO CONTROLE DA ESQUERDA

Carlos Vereza (2006) no programa Jô Soares afirma uma verdade insofismável: “O Lula é uma cria da USP, das Comunidades Eclesiais de Base e do Gen. Golbery do Couto e Silva”. Confirma um dado important

A MAÇONARIA NO CÓDIGO DE DIREITO CANÔNICO DE 1917

A Maçonaria, lançada oficialmente, em 1717 nasce com uma tripla missão: derrubar a relação entre o Trono e o Altar e implantar a República Maçônica Universal.  Tal missão, em suma, visava simplesmente